Olá!!
Você que está me visitando, por gentileza deixe seu contato nos comentários, que farei questão em retribuir a visita.

Pessoas que participam do blog.

domingo, 20 de julho de 2014

Autismo e comportamento indesejado, o que fazer?

Oi, Pessoal!
 Passamos o dia maravilhosamente bem, com aos sobrinhos e familiares, fizemos churrasco, aquele domingo bem gostoso de sol e comilança!

Mas quem disse que tudo tem que ser 100% não é mesmo? Hoje fui surpreendida por uma ação indesejada do Pepe, em meia tarde, depois de muita bagunça com os primos, chega uma visita inesperada, vizinhos novos em nosso quase novo endereço! Vieram conversar, porém o Pepe já os conhecia, mas enfim, lá pelas tantas a mulher se aproximou do Pepe para afagá-lo e, ele lhe respondeu com um tapa, pronto aí as pessoas já ficam todas sem saber o que fazer e umas olham para as outras, e imediatamente, minha irmã que estava próxima  dele pede  para que ele peça desculpas, tentando diminuir o impacto, e ele, pede desculpas! Isso me deixa muito triste, pois a questão não é essa, até quando vamos ficar pedindo desculpas, ao invés de tentar entender o que acontece pra ele tomar esse tipo de comportamento indesejado? Então surge meu marido e também já vem falando para o Pepe se desculpar, e me cobra ao mesmo tempo, eu então entro na onda deles, aiiiiiiiiiiiiii que raiva que eu fico, porque tem horas que pareço uma múmia sem atitude!

Hora da reflexão e tentar extrair algo de bom do indesejado!

O que fazer? Uma boa pergunta! Eu vivo cada dia, e tentamos acertar por aqui, mas sinto que estamos muito longe do acerto, e por isso sofremos com esses comportamentos.
Não queremos que nosso filho "deite e role", a vontade sem que ele seja punido, não é isto! Mas ao mesmo tempo penso, como dar castigo, punição seja lá qual for o nome que caia melhor? Para uma pessoa que não tem compreensão do que está fazendo! Quero é que ele consiga entender que as coisas podem ser resolvidas sem este caminho!
Quero e preciso ter mais posição assertiva diante das dificuldades, só assim eu sinto que poderei ajudar meu filho e nossa família!
Uma coisa temos certeza, carinho não é passar a mão por cima não! Paciência não pode faltar, mas temos que saber mediar tudo isso, para não se deixar dominar e perder o controle!

Um grande abraço
Ana Cristina


5 comentários:

  1. Oi Ana, é a Vi, é uma situação difícil, educar sem ferir, porque por mais que nos expliquem sobre o autismo, nunca sabemos o suficiente.
    Muita força.
    Beijos,Vi

    ResponderExcluir
  2. Oi Ana.
    Meu sobrinho de 5 anos é autista e é muito difícil saber mediar. As vezes acho que mimamos demais, as vezes o pai perde a paciência. É complicado... A única certeza é que o amamos demais.
    Boa semana, bjos.

    ResponderExcluir
  3. OI amiga, passei para fazer uma visita, ver as novidades e amei tudo por aqui...vc é muito talentosa e criativa....e como sempre tudo muito lindo e interessante por aqui...
    um grande bjo e aguardo sua visita no meu cantinho....
    Um bom domingo pra vc!

    ResponderExcluir
  4. Oi Ana, essa não é uma dúvida só tua não, é de todos os pais de autistas, seja aqui ou em qualquer outro lugar do mundo. Meu neto não aceitava ser tocado e foi muito difícil, foi muita paciência para minha filha condicionar ele. Ela começou alisando os cabelos sem tocar a cabeça, depois de muito tempo fazendo isso diariamente foi aumentando gradativamente o toque. Hoje ele tem 10 anos e aceita com naturalidade ser tocado, beijado e abraçado. Não corresponde mas também não reage mais a aproximação de estranhos. Foi uma grande conquista, mas muito trabalhosa, e a gente sabe que cada qual tem reações diferentes. Eu acho que o melhor nessas ocasiões é tentar fazer ele interagir com a pessoa mas de maneira muito calma, sem provocar estresse nele para que não se sinta ameaçado. Muito amor é o que podemos oferecer e isso é muito visível em você, e é só o instinto materno para ajudar. Acabei de postar uma foto dele lá no face. Beijos
    Joana

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita! Deixe seu comentário.
Um grande abraço
Ana Cristina

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...